Cultura | Mamães | Papais | Parceiros

Rose a doméstica| Apresentação em Paulínia

5 de setembro de 2018
Compartilhe:

Depois do enorme sucesso de três temporadas em SP, o espetáculo chega a Paulínia, para apresentação única no Theatro Municipal de Paulínia, dia 15 de setembro a partir das 20 horas.

 

Rose é uma mulher batalhadora que ficou famosa por se tornar a doméstica dos gays depois que postou seu vídeo na internet cantando “Grelo”, paródia de “Halo”, da consagrada cantora popBeyoncé. No espetáculo ela relembra sua história antes de ficar famosa: a infância, seus filhos, suas desilusões amorosas e um sonho com seu ídolo Amado Batista, contados com muita música ao vivo. “Rose apresenta uma narrativa simples e descontraída, como se estivéssemos falando com uma velha conhecida que entre uma espanada e outra, um sonho e outro, divide conosco o seu mundo”, diz Adriana Soares, diretora do espetáculo.

Rose poderia ser Maria, Joana, Helena, Cláudia e tantas outras mulheres brasileiras. Rose é o retrato da dona de casa do interior mineiro com seus conflitos e problemas típicos de mãe: filhos, marido, casa, dentre tantos outros. Rose é empregada doméstica, mas suas ideias fora do comum de sua cidade e amigos a fizeram se especializar em um tipo inusitado de faxina: começou a fazer sucesso e trabalhar apenas na casa de gays. Lindsay Paulino, intérprete da personagem, conta que o primeiro vídeo de Rose foi feito para os amigos e sem pretensão alguma de fazer sucesso. Mas a personagem foi crescendo, outros vídeos foram criados e ela se tornou muito conhecida na internet, o que refletiu em seu sucesso nos palcos e, posteriormente, na TV.

A história é inventada, mas é tudo verdade.

Sempre tendo como referência a infância, a família, os vizinhos e vários outros personagens que cruzam nossas vidas e nunca mais deixam nossa imaginação, Lindsay Paulino e a diretora Adriana Soares, entre risos escandalosos e profunda identificação com a Rose, enveredaram em descobrir o rumo para onde estas estórias iriam levar. “Rose apresenta uma narrativa simples e descontraída, como se estivéssemos falando com uma velha conhecida que entre uma espanada e outra, um sonho e outro, divide conosco o seu mundo”, diz Adriana. Soares ainda completa: “O espetáculo “Rose, a doméstica do Brasil”, com certeza já estava pronto na cabeça do ator-criador Lindsay Paulino, que com coragem, muita dedicação e confiança deu à personagem, que já existe há tanto tempo, ainda mais sentido e forma”.

 

Local: Theatro Municipal de Paulínia/ SP

Endereço: Av. Pref. José Lozano Araújo, 1551

Dia: 15 de setembro de 2018 às 20h00

Valores: Plateia baixa: R$100,00 Inteira / R$ 50,00 (meia entrada);

Plateia alta: R$ 80,00 inteira / R$ 40,00 (meia entrada);

Balcão térreo: R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 (meia entrada);

Balcão nível 2: R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 (meia entrada);

Mezanino e Balcão nível 3: R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 (meia entrada).

Quem tem direito a meia entrada?Levando 1 quilo de alimento; moradores de Paulínia; clientes: CVC Paulínia, Drogal Farmácias, Pro-Auto Seguros, Anglo Paulínia, PHS Saúde, Odontoclinic Paulínia, Novo Engenho, Docci Gateau. Beneficiados por Lei: professores da rede pública, idosos, aposentados, estudantes e pessoas com deficiência.

Vendas:  Bilheteria do Theatro Municipal de Paulínia (Informações: (19) 3933-2140).

Site: www.diverteingressos.com.br

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *